05/04/2013

Meus amigos que moram na rua



Tenho dois amigos que moram há mais de um ano na rua.
O Negão e a Menininha.
Eu e meu marido cuidamos deles.
Eles são nossos amigos!
Quando faz temporal e podemos, os recolhemos no canto de nossa sala para abrigá-los, até que a chuva passe.
Mas não é sempre que dá pra fazer isso!
Claro que depois eu limpo bem a sala!

Hoje vou falar do Negão.

Ele é mais sapeca!
Ás vezes fica dias sumido!
Eu e meu marido ficamos com o coração na mão!
Ás vezes pensando até que ele morreu por aí.
Outro dia mesmo, meu marido estava desesperado, pensando em ir procurá-lo num matagal que tem perto de casa, achando que ele poderia estar morto!
Daí comentei com minha vizinha, mas ela me disse que era pra ele ficar tranquilo  que tinha o visto num bairro próximo namorando kkk
Quando ele chegou em casa, porque ele vem direto na minha porta, até nos emocionamos!

Quando saímos para  passear com a minha cachorra (Shakira) eles nos acompanham.
O Negão gosta de pegar a guia da Shakira e ajudar levá-la.
Não sei é para brincar ou que na cabecinha dele, ele leva ela.
Nem preciso falar que a Shakira o adora!
Eu vou o trajeto todo chamando a atenção deles, porque eles param bem no meio da rua para ficar rolando no chão e brincando um com o outro.

O carinho que recebemos desses bichinhos é muito bom!
Não tem dinheiro que pague!

(as fotos abaixo é de um vídeo que fiz deles por isso que estão meio ruim)



5 Comentários :

  1. Oi minha amiga, que amizade linda e qto carinho vcs têm pelos cães! É muito bonito de ver e de saber! Acho que o Negão está querendo namorar a Shakira! rs
    Bjssss miga, ótimo fds! :))
    viveraprendendo.com

    ResponderExcluir
  2. Legal a sua atitude de cuidar de um animal de rua.
    http://blogdonadecasatambemsearruma.blogspot.com/
    http://deusguianossospassos.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  3. Eles são demais!
    Uma amizade que não tem preço.
    Vim te desejar boa sorte minha amiga!
    Obrigada pelo carinho!

    ResponderExcluir
  4. A gratidão, o amor e a amizade que eles nos passam, realmente não tem preço.
    Bjoks

    ResponderExcluir